Redefinições nos processos de socialização das crianças rurais

Conteúdo Principal do Artigo

Valmir Luiz Stropasolas

Resumo





Constatamos que em estudos e projetos institucionais relativos à família brasileira, a atenção tem se voltado sobretudo às questões e problemáticas que afetam as mulheres e os jovens, verificando-se, ainda, a invisibilidade das crianças rurais. Isso configura uma lacuna no campo das ciências sociais dedicadas aos estudos rurais na abordagem da condição social da infância e das mudanças nos processos de socialização desse segmento no cenário da agricultura familiar. Este artigo tem como objetivo analisar as redefinições emergentes nos processos de socialização das crianças rurais, a partir de uma pesquisa qualitativa realizada recentemente pelo autor em comunidades rurais de Santa Catarina, no Sul do Brasil.





Detalhes do artigo

Como Citar
Stropasolas, V. L. (2011). Redefinições nos processos de socialização das crianças rurais. Raízes: Revista De Ciências Sociais E Econômicas, 31(2), 54-67. https://doi.org/10.37370/raizes.2011.v31.333
Seção
Artigos

Referências

Ver no arquivo do artigo.