Estratégia de comercialização de uma organização camponesa a Cooperativa D'Irituia

Conteúdo Principal do Artigo

Christian Patrick Paixão da Silva

Resumo

Este trabalho visa identificar precisamente os elementos da estratégia de comercialização das organizações da agricultura familiar e os desafios que enfrentam, a partir do estudo de caso da Cooperativa d´Irituia, situada no Nordeste Paraense. Analisa as práticas de comercialização dos agricultores em função do contexto agrário e de seus sistemas de produção. São caracterizados e comparados os diferentes canais de comercialização que praticam, com ou sem a mediação da cooperativa. A cooperativa privilegia atualmente canais de venda direta para produtos diferenciados, atendendo parte da demanda do seu quadro social. O debate atual na cooperativa, visando a ampliação dos volumes comercializados, envolve mudanças multifacetadas na esfera da produção e nos campos socioinstitucional, econômico, organizativo.

Detalhes do artigo

Como Citar
Sablayrolles, P., & Paixão da Silva, C. P. (2021). Estratégia de comercialização de uma organização camponesa. Raízes: Revista De Ciências Sociais E Econômicas, 41(1), 44-61. https://doi.org/10.37370/raizes.2021.v41.661
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Christian Patrick Paixão da Silva, INEAF-UFPA

Graduando no Bacharel em Desenvolvimento Rural

Referências

ASSIS COSTA, F. D. Formação agropecuária da Amazônia: os desafios do desenvolvimento sustentável. Belém: NAEA - UFPA, 2000.
CARNEIRO, R. V. Experiências de recuperação florestal praticadas por agricultores familiares do Nordeste do Pará. Belém-PA, 2018. 128f. Dissertação de Mestrado, PPGA – INEAF, Universidade Federal do Pará, 2018.
CHAYANOV, A. A teoria das cooperativas camponesas. Tradução Regina Vargas. Porto Alegre: UFRGS, 2017.
COSTA, D. DE M. “Proteger a mata para o rio não secar”: análise da recuperação de matas ciliares realizada por agricultores familiares às margens do rio Itabocal, Irituia – PA. Belém, 2020. 120 f. Dissertação de Mestrado, PPGA – INEAF, Universidade Federal do Pará, 2020.
DUFUMIER, M. Projetos de desenvolvimento agrícola. Manual para especialistas. Tradução Vitor de Athayde Couto. 2. ed. Salvador: EDUFBA, 2010.
GALVÃO, L. DE N. G. B. “O que mudou?”: Estudo das trajetórias dos sistemas agroflorestais no município de Irituia-PA. Belém, 2019. 114 f. Dissertação de Mestrado, PPGA – INEAF, Universidade Federal do Pará, 2019.
IBGE. Censo 2010, Irituia. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/pa/irituia/pesquisa/ 23/27652?detalhes=true> Acesso: 29 set. 2020.
LONG, N. Development sociology: actor perspectives. London; New York: Routledge, 2004.
MALUF, R. S. Mercados agroalimentares e a agricultura familiar no Brasil: agregação de valor, cadeias integradas e circuitos regionais. Ensaios FEE, v. 25, n. 1, p. 299–322, 2004.
Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Caderno do Plano de Manejo Orgânico. 2011. Acesso em Acesso: 28 set. 2020
MAZOYER, M.; ROUDART, L. História das agriculturas no mundo: do neolítico à crise contemporânea. Tradução Cláudia F. Falluh; Balduino Ferreira. Brasília: UNESP, NEAD, 2010.
MORAES, M. H. C. DA S. Agrobiodiversidade dos quintais e socioeconomia dos agroecossistemas familiares da cooperativa D’Irituia, Pará, Brasil. 2017. Belém, 2017. 173 f. Dissertação de Mestrado em Ciências Florestais – Universidade Federal Rural da Amazônia, 2017.
SABLAYROLLES, P. Politiques agraires et stabilisation de l’agriculture sur les fronts pionniers. Le cas de la région Transamazonienne (Altamira-PA, Brésil). 2004. 400 f. Thèse de Doctorat Agriculture comparée et développement agricole, Paristech-INAPG, Paris, 2004. Disponível em: .
SCHNEIDER, S. Mercados e agricultura familiar. In: CHARÃO MARQUES; CONTERATO, SCHNEIDER (Org.). Construção de mercados e agricultura familiar. Desafios para o desenvolvimento rural. PGDR Estudos Rurais. 1. ed. Porto Alegre: UFRGS, 2016. p. 93–140.
SILVA, P. F. N. Mercado de produtos agroflorestais da agricultura familiar: um estudo de caso na cooperativa D’Irituia. Belém, 2019. 101 f. Dissertação de Mestrado em Ciências Florestais – Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), 2019.
SOARES, L. A. S.; PIRES, M. L. L. S. Análise dos processos de crise nas cooperativas agrícolas do Nordeste do Brasil. Revista Cadernos de Ciências Sociais da UFRPE, v. 1, n. 12, p. 83–110, 2018.
SMITH, D. S. Sistema de Informação Gerencial à Cooperativa Agropecuária dos Produtores Familiares Irituienses – D`IRITUIA. Dissertação de Mestrado. IFPA: Castanhal, 2016.
VAN DER PLOEG, J. D. Mercados aninhados recém-criados: uma introdução teórica. In: CHARÃO MARQUES; CONTERATO, SCHNEIDER (Org.). Construção de mercados e agricultura familiar. Desafios para o desenvolvimento rural. PGDR Estudos Rurais. 1. ed. Porto Alegre: UFRGS, 2016a. p. 21–52.
VAN DER PLOEG, J. D. Camponeses e a arte da agricultura. Um manifesto chayanoviano. Tradução Claudia Freire. Porto Alegre; São Paulo: UFRGS Editora; Editora UNESP, 2016b.
WILLIAMSON, O. E. The economic institutions of capitalism. Firms, markets, relational contracting. New York: Macmillan, The free press, 1985.