Das margens do rio Sa?o Francisco a?s marginalidades do Lago de Sobradinho: desterritorializac?a?o e desengano

Conteúdo do artigo principal

Edcarlos Mendes da Silva

Resumo





O presente trabalho discute as novas configurac?o?es do mundo rural a partir das transformac?o?es ocorridas no entorno do Lago de Sobradinho, considerando as conseque?ncias da construc?a?o da barragem de Sobradinho e o deslocamento compulso?rio de boa parte da populac?a?o de quatro munici?pios. O percurso das ideias aqui propostas iniciou na pesquisa que deu origem a? dissertac?a?o de Mestrado, pore?m alguns pontos foram atualizados e algumas posic?o?es amadurecidas. Conclui-se avaliando as conseque?ncias da desterritorializac?a?o que apagou as refere?ncias fi?sicas e psicolo?gicas da populac?a?o e os impactos do modelo de desenvolvimento imposto a partir de valores exo?genos. No entanto, novos fatores (na?o ligados a? desterritorializac?a?o) abrem espac?o para a esperanc?a, em particular o enorme potencial visto nos mais jovens.





Detalhes do artigo

Como Citar
Silva, E. M. da . (2014). Das margens do rio Sa?o Francisco a?s marginalidades do Lago de Sobradinho: : desterritorializac?a?o e desengano. Raízes: Revista De Ciências Sociais E Econômicas, 34(1), 49–64. https://doi.org/10.37370/raizes.2014.v34.402
Seção
Dossiê: Diversidade do Rural Contemporâneo

Referências

Ver no artigo do arquivo.